Páginas

sábado, 19 de setembro de 2009

Video Arte

Este é nosso video arte relacionado a natureza e o meio ambiente. video

terça-feira, 15 de setembro de 2009

Imagens da Fotonovela

Imagem da Fotonovela

Nossas fotos

Tarefa 06 - de Fotonovela

Universidade Aberta do Brasil – UAB/UnB
Instituto de Artes - IDA
Departamento de Artes Visuais
Curso: Licenciatura em Artes Visuais
Disciplina: Tecnologia Contemporâneas na escola 3
Tutora: Cecília Mori Cruz
Discentes: Sandro José do Nascimento Costa
Marta Neves Bezerra
Antonia Elissandra do Nascimento Aragão
Daniel Mangueira Leite
Rosiana Pereira Mourão
Raimundo Araújo Coréia


Atividade 6 - Fotonovela


Nesta tarefa 6 de tecnologia, tivemos um pouco de dificuldade em criar uma historia que tivesse um pouco de coerência com o que estamos estudando e também narrasse um pouco da nossa dificuldade, assim reunimo-nos no pólo para podermos discutir sobre o assunto, e quem sabe resolver o nosso problema, assim criamos a narrativa Vencendo Mais uma etapa! Tivemos muitas dificuldades desde a elaboração do roteiro ate a montagem das fotografias mais com o auxilio de todos conseguimos fazer nosso trabalho. Onde neste trabalho contamos até com o auxilio de nossa tutora presencial Alberlândia, nas idéias sobre a tarefa, bem como a dos demais colegas que também estão na mesma peleja. Bem, nas cenas a seguir está a historia de nossa luta com dificuldades e superações vale à pena conferir como tudo começou!

Portanto, esta foi a nossa historia! Podemos dizer que foi um árduo trabalho devido à falta de experiência com este tipo de trabalho, mais com perseverança e o auxilio de todos conseguimos realizá-lo. Sabemos agora como devemos desenvolver um trabalho voltado para despertar a percepção e o raciocínio na elaboração de historias da teledramaturgia, sem duvida foi um excelente exercício, que nos servirá futuramente como futuros educadores que seremos! Grato a todos que contribuíram! E até a próxima!!!

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Imagens dos personagens do programa Casseta e Planeta - Urgente!





Atividade 2 (Unidade 1) Analisando a TV - Brasileira

Universidade Aberta do Brasil – UAB
Universidade de Brasília – UNB
Instituto de Artes – IDA
Curso: Artes Visuais
Disciplina: “Tecnologias Contemporâneas na Escola 3”
Turma: Arv3
Profº. Autor: Christus Menezes Nóbrega
Tutora: Cecilia Mori Cruz
Discente: Rosiana Pereira Mourão
Atividade 2 (Unidade 1)
Qual o nome do programa e o canal que o exibe?
O programa que assistir foi o “Casseta & Planeta, Urgente!” é um programa de variedades humorísticas que esta sempre expondo para a mídia o que pode este entalado na garganta do povo em forma de piadas engraçadas estrelado desde 1992, nas noites de terça-feira da Rede Globo, rapidamente afirmou-se como a mais bem-sucedida atração de humor da televisão brasileira.
Para qual público é destinado?
O publico e restrito, pois abrange uma variedade de idades como jovens e crianças, geralmente as atrações incluem coberturas jornalísticos e documentários falsos, sátiras de outros programas de TV (novelas, filmes, seriados), sátiras de campanhas publicitárias, entrevistas com populares e videoclipes com paródias de músicas de sucesso.

Quais os principais temas tratados no programa?
São diversos temas abordados, sendo que os mais atrativos são sobre novelas e paródia que são divididos entre eles, como convidados especiais ou pessoas famosas na mídia como também a crítica política.
O programa propõe a reflexão desses conceitos, ou eles são passados como verdades absolutas de forma subliminar?
São transmitidas de forma engraçada que deixa no ar sempre uma lembrança que as pessoas adotam como ditado no seu dia-a-dia.
Como é retratado o papel do homem, da mulher e da criança, por exemplo? E dos homossexuais? E dos Negros?
O papel do homem é quase sem comentário deixa muita impressão bastante engraçadas no ar, porque os homens fazem o papel das mulheres todos com muitas maquiagens e perucas, já os das mulheres sempre são apenas para as convidadas em alguns momentos exclusivos, enfim há uma grande diferença, com os negros se nota muitas descriminações com a raça, pois só fazem os papeis de soassões que der mais graça os figurinos são de trapos e cabelos enrolados, os homossexuais são sempre chiques na sauna gay e todos poderosos.
Como estes são caracterizados, ou seja, o que vestem como falam como andam como são seus corpos, etc.?
São personagem que se vestem de tudo e não tem estilos próprios só copiam os personagens de outros canais e não tem muitas criatividades para produziram seu próprio humor.
Os produtos anunciados são para o mesmo público que assiste ao programa? Que tipo de relação ideológica existe entre o programa e os produtos vendidos na propaganda?
Muitas vezes as propagandas são para todos público sem fins definidos ou lucrativos.
Este programa pode influenciar de alguma forma o comportamento da sociedade, seja na moda, no modo de falar, nos hábitos de consumo ou na forma de pensar, por exemplo?
De forma nenhuma, pois suas propagandas são apenas de divertimento nada pode influência na vida da sociedade às vezes só nos momentos de brincadeiras no modo de fala como o seu Creysonn.
Como você avalia o impacto dela na sociedade brasileira?
Só de forma de brincadeiras e sem muitas conseqüências para a sociedade. Se pudesse reescrevê-lo ou dirigi-lo, o que modificaria?
Muitas coisas principalmente na forma de apresentar qualquer tipo de informação que fosse mais produtiva ou educativa como perguntas e respostas sobre atualidade, ortografia e matemática, enfim de uma maneira mais colaborativa para o telespectador, se manter informados dos acontecimentos com mais verdades e não com tantas mentiras, pois só assim poderiam ganhar mais audiência.
Fontes: Bibliográficas: wikipedia.org/wiki/Casseta_&_Planeta.

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Atividade 1 - Assistir e resenhar o filme

Universidade Aberta do Brasil – UAB
Universidade de Brasília – UNB
Instituto de Artes – IDA
Curso: Artes Visuais
Disciplina: “Tecnologias Contemporâneas na Escola 3”
Turma: Arv3
Profº. Autor: Christus Menezes Nóbrega
Tutora: Cecilia Mori Cruz
Discente: Rosiana Pereira Mourão
Atividade 1 (Unidade 1)

Com base no filme “O quarto poder” percebi que o mesmo trata-se do poder da imprensa a influência que imprensa pode exercer. Ao mesmo tempo demonstra um conflito ético da imprensa que é colocar a audiência acima de tudo, não importando o que seja necessário para atingi-la e as conseqüências destes atos.
O repórter, de dentro do museu, consegue se comunicar com uma estagiária que está em uma caminhonete nas proximidades, antes de ser descoberto pelo ex-segurança, que agora fez vários reféns, inclusive um grupo de crianças que visitavam o museu.
Em pouco tempo um pedido de emprego e um tiro acidental se propagam de forma geométrica, atraindo a atenção de todo o país. O repórter convence ao segurança que este lhe dê uma matéria exclusiva e promete em troca comover a opinião pública com a triste história do guarda desempregado. Que poderá ser a sua oportunidade de se ver no auge da fama novamente.
Os acontecimentos são manipulados pela imprensa e tudo sai do controle, pois apenas altos salários e índices de audiência contam e a verdade não é tão importante assim.
É responsabilidade e dever do jornalista, trabalhar a favor da democracia e do direito à informação. Porém é comum alguns jornalistas distorcerem deliberadamente as informações, ocorrendo assim à manipulação.
Eles driblam o cidadão para atingirem interesses particulares. "O Quarto Poder". O filme mostra até que ponto a manipulação pode interferir na vida de um indivíduo ou de toda uma sociedade.
A falta de objetividade e a procura do sensacionalismo fazem com que ocorra uma inevitável manipulação. Para a opinião pública é a imprensa que manipula, mas a realidade é mais complexa.
Existem casos como: quando um jornalista é usado por um terceiro e a manipulação montada conscientemente pelo próprio jornalista. O direito à vida privada é muito difícil de ser protegido quando se trata de uma personalidade pública.
A intimidade dos outros é de grande interesse do público, que não respeita a integridade física daqueles que são o objeto de desejo da massa. A decisão do jornalista no filme é extremamente antiética, sendo que sua função deveria ser apenas informar.
Se isto se faz de forma diferente, é chamado de falsificação da realidade, com conseqüências tanto para o profissional como para o público que o assiste.
Os meios de comunicação têm mostrado verdadeiros espetáculos em lugar das notícias, marcados pelo estímulo contínuo dos sentimentos. O filme “O Quarto Poder” aponta diversas características específicas do jornalismo subjetivo que acaba em espetáculo, e leva-nos a refletir justamente sobre esse aspecto tão importante do profissionalismo, que é o da ética na vida social.
Mas no fim, mostra-nos com o arrependimento do jornalista, que o ser humano não pode ser assim tão ignorante, na sua fome pelo sensacionalismo. De fato, não é possível que o homem prefira ser entretido a ser edificado.
Portanto a mídia é considerada como o quarto poder porque ela manipula os indivíduos, forma opiniões, controla o comportamento e as atitudes da maioria da população, estes por não terem um senso critico suficiente para distinguir entre a mentira e a verdade, acreditam em tudo que lêem ou assistem.
Quando o poder judiciário fracassa, quando o executivo está descansando ou quando o legislativo entra em férias, o quarto poder toma o domínio e enfrenta as situações como se tivesse todos esses poderes. Quando a imprensa é vangloriada é preciso ter medo, pois isso indica que a sociedade não vai bem.
Quem sabe se a imprensa não estivesse interrompendo a história do ex-guarda rede televisiva para qual trabalhou, julga culpado, sem mesmo saber o que se passou no museu, que destroce a realidade para influenciar os telespectadores a condenar-lo e assim ganhava telespectador.
Fonte Bibliográfica: www.adorocinema.com/filmes/quarto-poder/quarto-poder este sit me facilitou bastante na busca de informações sobre o filme o “quarto poder”, onde sugiro para pesquisa.

sábado, 25 de abril de 2009

Esta direcionada a mostra patrimonio hist